quarta-feira, março 18, 2009

Velhos poemas de poetas

"Canção de Batalha" (1)

"Que durmam, muito embora, os pálidos amantes,
Que andaram contemplando a Lua branca e fria...
Levantai-vos, heróis, e despertai, gigantes!
Já canta pelo azul sereno a cotovia E
já rasga o arado as terras fumegantes...



Entra-nos pelo peito em borbotões joviais
Este sangue de luz que a madrugada entorna!
Poetas, que somos nós? Ferreiros d'arsenais;
É bater, é bater com alma na bigorna
As estrofes de bronze, as lanças e os punhais!

Acendei a fornalha enorme – a Inspiração.
Dai-lhe lenha, – a Verdade, a Justiça, o Direito
E harmonia e pureza, e febre e indignação;
E p'ra que a lavareda irrompa, abri o peito
E atirai ao braseiro, ardendo, o coração!

Há-de-nos devorar, talvez, o incêndio; embora!
O poeta é como o sol: o fogo que ele encerra
É quem espalha a luz nessa amplidão sonora...
Queimemo-nos a nós, iluminando a terra!
Somos lava, e a lava é quem produz a aurora!"

(1) Guerra Junqueiro, "Canção de Batalha", in Poesias Dispersas, Porto, Livraria Chardron, de Lello & Irmão – Editores Lda., 1920.

http://alfarrabio.di.uminho.pt/vercial/letras/ensaio51.htm

12 comentários:

Mariazinha disse...

Parabens por mais um ano do Pafuncio.
És um exemplo para todas nós.
Lutadora,sincera,sensivel e brilhante mãe.

Beijokas

Tripa Seca disse...

Então quer dizer que por aqui faz-se anos, não é?
Olha, então fica aqui registado as minhas confratulações e votos de alegria, coisa que anda difícil!...

Beijinhos, com todo o respeito.

Luís Prata.

:)

Pata Negra disse...

Sou mesmo néscio! O que é que a Mariazinha viu para saber que há anos? Eu não vejo bolo, nem espumante, nem velas! Parabéns porque todos os dias são de luta!
Parabéns porque todos os dias são de poesia! Ai se o Quim Barreiros cantasse disto! Talvez este isto andasse! Talvez este povo compreendesse que as armas estão na sua voz!
Um abraço com quantos anos??

efe disse...

então, Parabéns! E que andemos por cá muitos mais anos a colar palavras no éter.

;)

Kaotica disse...

Mariazinha

Desta vez, com muita pena minha, não foi o Pafúncio que fez anos...

Seja lá como for agradeço-te do fundo do coração as palavras amigas.

Um abraço para ti que também és uma grande Mulher!

Kaotica disse...

Obrigada, Tripa! Pois aqui é como em todo o lado: o tempo passa. Aqui apenas não há essa coisa do peso dos anos, ou se há, é como se não houvesse! + ANOS = + SABEDORIA, é só isso, nada mais!

Um abraço cheio de alegria por te "ver" por aqui!

Kaotica disse...

Pata

Na blogosfera as notícias correm céleres, é só isso. E tens razão: fui uma egoísta: comi o bolo e nem ofereci um pedaço! Mas também o raio dos japoneses nunca mais inventam o tele-transporte para eu mandar uma fationa para ti!

Muito obrigada pelos parabéns! Oodia te enganar dizendo que foram dois patinhos, mas vou revelar que foram qua...qua..

Um abraço com mais que muitos!

Kaotica disse...

Efe

Sim, enquanto cá andarmos significa que nem tudo vai mal (pelo menos para nós que aqui andamos!)

Um abraço

PLI disse...

Amiga, gaja,
Esqueci-me.
A idade não perdoa, e o Alemão ataca (Alzheimer).
Quem não tem festa é como quem não tem memória.
Ah! Ah! (fui eu que inventei)
Enfim, espero que ainda aceites os meus sinceros e humildes parabéns.
Beijoooooooooo enormeeeeeeeeee.

Kaotica disse...

Obrigada, Pli

Foi mais um para o saco, eu já nem ligo!
Tens razão, não houve festa, apenas uma escapadela romântica com o meu xódó.

Bjos.

Safira disse...

Eu já dei os parabéns a tu!

Beijocas,

Safira

Kaotica disse...

Safira

Só parabéns? E o bolo de chocolate?

Blog Widget by LinkWithin